26 de out de 2009

Adote um animal


Diferente dos posts anteriores, esse segue tem um motivo mais nobre: educar e conscientizar as pessoas em adotar um animal. Tem gente que faz campanha pelas crianças de rua, outras pelas baleias ou então pela mata atlântica ou até mesmo por causas idiotas como os direitos humanos, que de direitos pra humanos nada tem!

Bem, eu levanto a bandeira dos animais domésticos, afinal não é possível abraçar todas as causas que realmente valem a pena. As pessoas precisam entender que mais importante que adotar é cuidar com carinho e atenção de seu animal, e sobretudo saber que um animal exige muitos cuidados. As estatísticas mostram que muitos animais que vagam pelas ruas foram adotados mas acabaram abandonados por seus donos por motivos como gastos, barulho, não-adaptação ou até mesmo enjôo. Por isso bem pense em comprar ou adotar um animal. E se você tem dúvidas, espere um pouco até ter a certeza de estar fazendo a coisa certa.

Não compre, adote. Com certeza o maior ganhador será você!

Caso você veja ou saiba de maus-tratos (ex:.manter animal trancafiado em locais pequenos ou mantê-lo permanentemente em correntes; envenenamento de animal; manter o animal em lugar anti-higiênico; golpear, mutilar um animal; utilizar animal em shows que possam lhe causar pânico ou estresse; agressão física a um animal indefeso; abandono de animais; não procurar um veterinário se o animal adoecer etc.- [ver art. 3º do decreto federal 24.645/34]), não pense duas vezes: vá à delegacia mais próxima para lavrar boletim de
ocorrência ou, na dúvida, no receio, compareça ao fórum para orientar-se com o promotor de justiça. a denúncia de maus-tratos é legitimada pelo art. 32, da lei federal n.º 9.605 de 1998



Nenhum comentário:

Postar um comentário